Artigo acadêmico da semana: Domicílios importam: Revisitando os Retornos ao Capital entre Microempresas de mulheres

07/08/2017

Arielle Bernhardt, Erica Field, Rohini Pande, Natalia Rigol


Vários experimentos de campo obtêm retornos positivos para subsídios para microempresários masculinos e não para microempresárias. Mas, essas análises ignoram em grande parte que os microempreendedores homens e mulheres geralmente pertencem à mesma casa. Usando dados de ensaios randomizados na Índia, Sri Lanka e Gana, mostramos que a diferença de gênero no desempenho da microempresa não se deve a uma lacuna na aptidão. Em vez disso, observam-se baixos rendimentos médios de empresas de pessoas do sexo feminino porque o capital das mulheres é investido nas empresas de seus maridos, em vez da própria. Quando as mulheres são o único operador empresarial doméstico, os choques de capital levam a grandes aumentos nos lucros. Os ganhos de renda no nível do agregado familiar são equivalentes, independentemente do gênero do beneficiário ou do empréstimo.

 

Leia o paper completo (em inglês) em: http://nber.org/papers/w23358