Artigo acadêmico da semana: Sobre a evolução conjunta da cultura e das instituições

14/08/2017

Alberto Bisin, Thierry Verdier


As explicações do crescimento econômico e da prosperidade geralmente identificam um efeito causal único, por exemplo, instituições, cultura, capital humano, geografia. Neste trabalho, fornecemos uma modelagem teórica da interação entre cultura e instituições e seus efeitos sobre a atividade econômica. Caracterizamos condições no ambiente socioeconômico, de modo que a cultura e as instituições se complementam (ou se substituam), dando origem a um efeito multiplicador que amplifica (ou amortece) a capacidade combinada de estimular a atividade econômica. Mostramos como a dinâmica conjunta da cultura e das instituições pode mostrar comportamento não-ergódico interessante, histerese, oscilações e dinâmicas comparativas. Finalmente, em sociedades exemplo específicas, estudamos como a cultura e as instituições interagem para determinar a sustentabilidade das sociedades extrativistas, bem como a formação do capital cívico e dos sistemas legais que protegem os direitos de propriedade.

 

Leia o paper completo (em inglês) em: http://nber.org/papers/w23375