Centro de Liberdade Econômica lança documentário Poverty, Inc.

07/11/2016


O lançamento do documentário Poverty, Inc., idealizado pela Acton Institute, foi realizado no Mackenzie na noite de 3 de novembro, no campus Higienópolis. O vídeo apresenta a exploração da pobreza no mundo, indagando quem se beneficia dessa iniciativa e apontando soluções dentro dos valores de liberdade econômica. “Tem de haver um esforço do governo local para aumentar os bens de serviços para as camadas mais populares, não há como sustentar uma distribuição sem que haja produtividade, somente com doações”, explica o professor Berardo Santoro, do Centro de Ciências Sociais e Aplicadas e vinculado ao Centro Mackenzie de Liberdade Econômica.

Poverty, Inc. atesta que o combate à pobreza é um grande negócio, estimulando a dependência e eliminando qualquer tentativa para o desenvolvimento do local por seus próprios meios e regras de mercado vigentes, como existem em países desenvolvidos. “O investimento ao empreendedorismo é a saída para o liberalismo econômico de um país, e esse suporte é necessário a médio e longo prazo. Se um grupo de ONGs faz um trabalho humanitário imediatamente após um desastre é bem-vindo, mas esses grupos ficarem por anos no local, algo está errado”, explica Jean Regina, advogado em Porto Alegre e membro da ANAJURE (Associação Nacional de Juristas Evangélicos) - entidade de promoção e defesa das liberdades civis fundamentais, dos ideais do Estado Democrático de Direito e dos valores do Cristianismo, em especial, a defesa da dignidade da pessoa humana.

A parceria entre o Centro Mackenzie de Liberdade Econômica e o Acton Institute possui vários pontos em comum e poderá render bons frutos. “Temos os mesmos ideais da teologia reformada calvinista, inspiradores da liberdade econômica e do empreendedorismo”, conta Jean.

Após a apresentação do vídeo, os convidados participaram de um debate com o CEO da Acton Institute, Kris Mauren.